Arquivo mensal: junho 2012

PlayStation 2: o Highlander dos video games!

(Fonte da imagem: Divulgação/Sony)

O último ano do século XX foi um período marcante para o mundo do entretenimento virtual. Mais do que isso, a data específica de 4 de março de 2000 ficará entalhada na história, como sendo o ano em que a Sony lançou o PlayStation 2: o “Highlander” dos video games.

A plataforma chegou aos gamers prometendo entregar gráficos incríveis e uma capacidade técnica até então nunca vista em nenhum outro console existente. E foi exatamente isso que aconteceu no decorrer dos anos seguintes. O “Play 2” recebia cada vez mais jogos, dos mais variados gêneros e estilos, sempre mostrando o quão longe as capacidades gráficas do aparelho da Sony poderiam chegar.

Morre ou não morre?

Hoje, mais de 12 anos após o lançamento da máquina, o PS2 continua lutando bravamente para sobreviver em meio a um mercado de alta definição e tecnologia de captação de movimentos. Mas, incrivelmente, o console ainda consegue afetar mais de um nicho de público. Por exemplo, há quem é saudosista e mantenha seu Playstation 2 ligado à TV para aqueles momentos em que “a saudade bate”.

Por outro lado, há quem ainda vai ter seu primeiro contato com os games e, por questões de disponibilidade (financeira, logística ou outra qualquer) acabe por ser agraciado com um PS2 novinho. Será que ele ainda vale a pena? Certamente que sim. Por quê? Veja algumas razões:

  • A biblioteca de jogos é monstruosa. São, de acordo com o PS Blog, existem mais de 1.800 títulos diferentes para o “Highlander”. Se você jogasse um jogo por dia, levaria pelo menos cinco anos para testar todos;
  • O custo do console é muito reduzido, o que o torna acessível para praticamente todo mundo. Você pode comprá-lo com as atualizações mais atuais existentes, e ligá-lo utilizando um cabo video componente, caso você tenha uma TV mais moderna;
  • Ainda são lançados jogos. Isso mesmo, o PS2 ainda ganha novos títulos. Claro que a frequência de lançamentos é bem pequena e praticamente só grandes franquias chegam ao pequeno console. Mas, o fato é que todo ano aparecem novidades;
  • A subsistência da concorrência é muito mais cara. Por exemplo, hoje você até consegue comprar um PlayStation 3 por menos de mil reais. Entretanto, cada um dos jogos desse console sai em torno de R$ 100 e os lançamentos ficam praticamente pelo dobro desse valor.

E as razões ainda não acabam por aí. Mesmo assim, vamos mudar um pouco o foco da conversa. Inúmeros títulos de franquias que são sucesso de crítica e vendas na sétima geração de consoles são provenientes de experiência bem sucedidas feitas com a geração anterior da Sony.

Democracia de gêneros

O PS2 agradava a gregos e troianos

O primeiro de todos os nomes que precisam ser citados aqui é God of War. A obra arrancou o fôlego dos jogadores quando foi lançada, apresentando a suprema direção de arte e até onde a capacidade gráfica poderia chegar. Depois de ter experimentado as duas edições que foram lançadas para PS2, pode ter certeza que a maneira com a qual se encara God of War 3 é completamente distinta.

O console imortal também teve uma safra privilegiada de RPGs. Só para ilustrar um pouco, foi ele quem recebeu o clássico Final Fantasy X, no qual os jogadores assumiam o controle de Tidus, Yuna e Auron para conseguir lutar contra as animosidades de Yu Yevon.

Ampliar (Fonte da imagem: Reprodução/Playstation)

Já Final Fantasy XII não foi tão aclamado, mas também compôs o hall de ótimos jogos como também fez a trilogia de Shadow Hearts. Na mesma linha estão Magna Carta, Kingdom Hearts 1 e Kingdom Hearts 2, Dragon Quest VIII, além de outros nomes de peso até hoje na indústria dos games.

Para ter certeza de que existem muitos jogos bons mesmo, veja mais alguns títulos de outros gêneros, que fizeram muito sucesso no PS2: Grand Theft Auto: San Andreas, Fatal Frame, Resident Evil 4, ICO, Shadow of the Colossus,Silent Hill 2, 3 e 4, Gran Turismo 3: A-Spec, Metal Gear Solid 2, Gun, Indigo Profecy,  Marvel Super Heroes e muito mais!

Casualidade sempre em alta

O gênero de esportes é um dos mais privilegiados no PS2 e, possivelmente, configura uma das razões pelas quais o console conseguiu perdurar tanto. Quer jogar um título de futebol hoje? Que tal, então, pegar FIFA 12, o mais atual game de futebol da Electronic Arts?

Os jogos infantis também não perdem a chamada e nomes como Ben 10 e High School Musical marcam presença praticamente todos os anos. Games casuais, como Guitar Hero 5, possuem versão para o PS2 juntamente com todos os periféricos que os jogadores têm direito.

Daqui para a eternidade?

O tempo passa, o tempo voa, e o PlayStation 2 continua subsistindo. Mas é evidente que a cada dia que passa, a força do console está um pouco mais fraca. O príncipe da Sony, PlayStation 3, está pouco a pouco assumindo o reinado do seu irmão mais velho.

Até o começo deste ano, o PlayStation 2 havia vendido mais de 150 milhões de unidades em todo o mundo. Junto com esse número, a plataforma vendeu mais de 1,5 bilhão de games — isso sem contar os inúmeros títulos piratas e de indústrias informais paralelas.

(Fonte da imagem: Reprodução/StatisticBrain)

O jogo mais comprado pelos donos do PS2 foi Grand Theft Auto: San Andreas, que sozinho atingiu 17,33 milhões de cópias vendidas. Com esses números magníficos, o console da Sony da sexta geração de video games está finalmente estabilizado e sem mais perspectivas de crescimento. A cada mês o console tem um decréscimo nas vendas e no número de jogadores dedicados a ele.

Se cair, cai de pé

É por essas razões que o PlayStation 2 é o Highlander dos games, com seus mais de 12 anos de existência e com fôlego restante para mais alguns outros. Agora é sua vez de contar sobre sua experiência com o Play 2. Eu ainda tenho o meu, e você ainda tem o seu?

Anúncios

Japão terá novo controle personalizado e estiloso para PS3

(Fonte da imagem: Fonte: Divulgação/Sony)

A Sony anunciou um novo controle para o PlayStation 3, personalizado de acordo com o jogo Tales of Xillia 2, da Namco Bandai. O produto tem quantidade limitada e, apesar de ter lançamento marcado apenas para outubro, até agora é exclusivo do Japão.

Seu formato é o mesmo do joystick tradicional, porém há uma série de detalhes em vermelho e dourado que remetem ao game. O design é de Satoru Okumura, responsável também pelo design de personagens do game, é quem assina a peça.

O preço de lançamento do acessório, que também acompanha o jogo, é US$ 99,99 (cerca de R$ 200). Por enquanto, não há indícios de que ele será lançado no Ocidente

 

Fique por dentro de Naruto #4

Chakra é a fonte de energia usada por todo shinobi na série Naruto. De fato, existem 2 fontes de energia usada por eles: Stamina, que pode ser também chamada de energia física, e Chakra, que poderia ser chamado de energia espiritual. Cada estilo ninja usa uma fonte de energia diferente: Taijutsu usa pura stamina, enquanto Ninjutsu e Genjutsu usam Chakra. Enfim, o Chakra possui muito mais usos: pode ser concentrado na sola dos pés para uma melhor velocidade ou um salto grande. Há também várias otras coisas que as pessoas precisam saber para entender completamente como as técnicas são executadas. Primeiro de tudo, Stamina converte-se em Chakra para se realizar várias técnicas, mas não é o mesmo para vice-versa. Uma vez que o Chakra é convertido em Stamina, não pode ser convertido de volta. É necessário realizar os selos com as mãos para fazer a conversão. Uma das coisas mais dificeis sobre o uso do Chakra é saber controlar ele e usá-lo de maneira livre. Nesse guia, nós vamos explicar como o Chakra deve ser propriamente usado, e quando não deve.

Primeiro de tudo, todo mundo começa apenas com Stamina. Stamina é a energia que usamos todo dia para correr, respirar, andar, fazer exercícios, etc. Toda hora que descançamos, nossa Stamina se repõe. Comida, descanço e exercícios são os 3 mais importante fatores no uso e na capacidade da Stamina. Se uma pessoa dormir tempo suficiente, comer bem e se exercitar diariamente, não vai haver problema algum usando a Stamina. Isso é muito importante porque a Stamina cria Chakra, então, se não houver Stamina, não vai haver Chakra, assim, o shinobi não poderá lutar. O Taijutsu usa Stamina, enquanto Ninjutsu e Genjutsu usam Chakra. Tomemos esse exemplo: O Naruto possui todo o Stamina dele, então quer dizer que ele pode realizar qualquer Tai, Gen ou Nin que ele saiba.

Outro exemplo: Naruto está convertendo sua Stamina em Chakra, e com sucesso. Isso precisa de muito treinamento, e é a parte onde grande quantidade de Stamina é perdida. Isso acontece porque o usuário precisa saber a quantidade exata de Chakra a ser usado para executar a técnica em mente. Então, se o ninja não sabe quanto de Chakra ele necessita usar, ele não consegue converter corretamente. Além de que, o ninja também deve ser capaz de concentrar apenas o suficiente para converter em Chakra, o que é bastante difícil durante uma perigosa batalha. Isso explica porque ninjas em desvantagem e novatos são aqueles que gastam grande parte de seu Chakra e Stamina. Enfim, note que isso só conta para Nin e Gen Jutsu, porque o Taijutsu precisa de absolutamente nenhuma conversão.

Agora teremos Naruto numa continuação do que foi dito antes. Ele converteu 30% de sua Stamina em Chakra, o que faz ele ficar com 70% de Stamina restante. Agora, para usar seu Chakra corretamente ele gasta 10% de seu Chakra total para fazer o Bunshin No Jutsu, que faz ele ficar com 20% de Chakra restante. Agora, se ele efetuou com sucesso o jutsu, ele pode usar 20% de seu Chakra restante para fazer o Henge No Jutsu. Mas ele usou apenas 10% para isso, deixando 10% de Chakra restante, que ele acabou perdendo.

Agora explicarei como um shinobi bem treinado usa seu Chakra. Sakura sempre teve o melhor uso do Chakra, então ela será usada para esse exemplo. Primeiro, ela precisa de Chakra, então ela converte 30% de sua Stamina em Chakra. Isso deixa ela com 70% de Stamina restante. Agora, desde que ela pode usar sua energia corretamente, ela possui tudo calculado. Seu objetivo é criar 4 Bunshin, ela realiza os selos com a mão, e então focaliza seu Chakra criando 3 Sakuras adicionais, num total de 4. Em ordem de confundir os ninjas ainda mais, ela divide igualemente seus 30% de Chakra colocando 10% em cada Bunshin, e por isso ela usa todo o seu Chakra acumulado, não gastando nenhuma energia.

Agora, como exemplo, tomaremos Sasuke. Sasuke está prestes a fazer um Bunshin No Jutsu. Primeiro, como qualquer outra técnica, ele transforma sua Stamina em Chakra usando um selo com as mãos. É aí que ele é fraco, porque mesmo criando a quantidade necessária, ele criou um pouco mais de Chakra. Em seguida, ele foca seu Chakra, e consegue criar 4 Bunshins. Como você pode notar, o excesso dos 10% é deixado pra trás, e assim, gasto. Isso quer dizer que mesmo que o ninja saiba o quanto de Chakra ele deverá precisar, erros como esse podem ocorrer, e o usuário pode transformar mais Chakra, deixando ele exausto.

Agora, teremos Naruto tentando fazer um Bunshin No Jutsu também. Ele não tem muita habilidade em converter Stamina em Chakra, e usar o seu Chakra da forma correta. Como dito antes, a quantidade mais certa paraesses exemplos é de 10%. Então, Naruto começa (erradamente) convertendo 50% de sua Stamina total em Chakra. Isso quer dizer que ele deveria criar 5 bunshins no total. Mas devido á sua má habilidadem ele falha, e acaba criando apenas 1 bunshin. Isso aconteceu porque ele não pode controlar seu Chakra e forçá-lo a um Bunshin corretamente. Isso resultou numa perda de 40% de Chakra, que é uma grande quantidade, considerando que apenas 50% de sua Stamina restou. Porém, isso não é um problema incorrigível, treinando subindo nas paredes e andando na água pode acabar com essa incontrolabilidade do Chakra.

Para o nosso último exemplo, teremos Rock Lee, um ótimo usuário de Taijutsu. Desde que Rock Lee não possui necessidade em converter Stamina em Chakra, ele pode apenas realizar suas técnicas sem concentração para conversão. Isso dá aos usuários de Taijutsu uma vantagem, porque eles nao precisam moldar seu Chakra para atacar. Isso também é um benefício no fato que um ninja de Taijutsu tem um completo controle sobre seus movimentos e energia. Assim, ele apenas foca sua Stamina em seu pé e usa seu Konoha Reppu. Ele não precisa se preocupar em perder Chakra em conversões.

Para finalizarmos, a última observação: se um shinobi não consegue criar mais Chakra, o que significa que ele possui 0 de Stamina, ele ou ela morre, ou pelo menos fica nocauteado. Isso propõe um grande perigo, porque ninjas não experientes em controle de Chakra, podem facilmente ser mortos se eles não tomarem cuidado. Isso encerra nosso guia sobre o Controle do Chakra

Leia o resto deste post

Saint Seiya: Sanctuary Battle representa a série de forma fiel

Nome: Saint Seiya: Sanctuary Battle
Gênero: Aventura
Distribuidora: Namco Bandai
Plataforma: PlayStation 3

Saint Seiya Sanctuary Battle (Foto: Divulgação)
                                                                                                                         Saint Seiya: Sanctuary Battle (Foto: Divulgação)

Um dos desenhos mais famosos do planeta finalmente recebeu um jogo no nível esperado pelos fãs. Saint Seiya: Sanctuary Battle reproduz no PlayStation 3 a famosa batalha das 12 casas, considerada por muitos o momento mais épico de toda a série.

O desafio das 12 casas

A popularidade do desenho é algo inquestionável. Na década de 90, era difícil encontrar um adolescente que não acompanhasse as aventuras de Seiya e companhia. Em cima desse sucesso, muitos jogos tentaram abocanhar uma parcela desses fãs, mas praticamente todos fracassaram nesse aspecto. Alguns culpam o fato de serem desenvolvidos apenas jogos de luta, já outros acham que foi falta de planejamento e competência.

Saint Seiya: Sanctuary Battle (Foto: Divulgação)                                                                                                        Saint Seiya: Sanctuary Battle (Foto: Divulgação)

A verdade é que muitos anos se passaram até que finalmente um jogo de aventura fosse lançado. A saga de Cavaleiros do Zodíaco é bem vasta, mas o capítulo escolhido não poderia ter sido melhor: a famosa batalha das 12 casas. Para quem não sabe, esse é o grande marco da série. Tanto que, na época em que foi ao ar no Brasil, o anime provocou uma verdadeira correria dos fãs para adquirir os bonecos que representavam seus respectivos signos.

O que os fãs devem comemorar é o fato de a Namco Bandai ter conseguido desenvolver um game à altura das expectativas. Embora ainda seja cedo para um anúncio oficial, tudo indica que vêm por aí sequências baseadas em outros eventos, como a saga de Hades e a batalha de Poseidon.

Leia o resto deste post

As melhores curiosidades sobre videogames

O mundos dos games é tão vasto que diversas curiosidades sobre muitos jogos surgem todos os dias, por isso vamos conhecer as curiosidades mais curiosas que envolvem os games eletrônicos:

mapas_armas

“A área jogável de GTA San Andreas é de aproximadamente 27 quilômetros. É cinco vezes o tamanho de GTA: Liberty City e quatro o de GTA: Vice City.”

panela-pressao-eletrica

“O primeiro produto lançado pela Sony foi uma panela elétrica.”

08_MVG_Lara_Croft

“O tamanho “inflado” dos peitos de Lara Croft é resultado do desenhador Toby Gard que ajustou acidentalmente a o volume dos peitos em 150%, depois outros designers viram, gostaram e decidiram colocar como estava.”

nintendo

“A tradução de Nintendo é “leve sorte aos céus”.”

mario-and-luigi-superstar-saga-yoshi-in-cinema

“Embora você os vê raramente, Yoshi tem dentes.”

ps4controller

“Somente 2000 unidades do jogo Steel Battalion, desenvolvido pela Capcom e que vinha com um controle de 40 botões, foram disponibilizadas.”

megaman-01

“Megaman é azul graças ao NES ter uma limitada variação de azul para exibir.”

pizza

“Em Hitman 2, em um dos níveis há uma caixa de pizza que está escrito em dinamarquês: ´´A pizza real com m3rd@ nela“.”

animal-crossing-gamecube-logo

“Um jogo no Animal Crossing do Gamecube pode durar até 29 anos reais.”

mario

“Nintendo nunca deu um sobrenome oficial a Mario, mesmo que “Mario Bros” sugira que seja “Mario Mario” o nome completo.”

StarFox64_1

“Ao digitar ´´Do a barrel roll´`, na página do Google, a tela vai dar uma volta completa no monitor. Por quê? Quem jogou Star Fox 64, do Nintendo 64 sabe muito bem por que.”

 

http://minilua.com

Lady Gaga ganha nova estátua de cera e vira rainha do museu “Madame Tussauds”

Lady Gaga além de ser a rainha do twitter, agora ela é a rainha do famosos museu de cera “Madame Tussauds”, que tem filiais espalhadas por diversos lugares do mundo como Los Angeles, Londres, Hong Kong, Nova York e entre outros lugares. No total são 14 filiais espalhadas pelo mundo. Só na América do norte tem quatro filias, na Europa cinco, na Ásia quatro e na Austrália uma filial.

Em 2010 a equipe do “Madame Tussauds” resolveu produzir de uma vez só, 8 estátuas diferentes de Lady Gaga, onde custaram aproximadamente 2,4 milhões de dólares. Foram 4 meses para as estátuas ficarem prontas e logo depois espalhadas pelo mundo. Abaixo você confere as 8 estátuas com seus respectivos lugares em que foram colocadas:

Já em 2011, Gaga recebeu mais uma surpresa da equipe do museu. Mais quatro estátuas foram feitas e expostas para exibição no museu de Tokyo, Bangkok, Blackpool e de Wien. Confira respectivamente as fotos das estátuas logo abaixo:

Com este ocorrido, Gaga ficou empatada com o falecido cantor Michael Jackson que tem um total de doze estátuas. Mas agora em 2012 as coisas mudaram. Gaga ganhou sua 13ª estátua de cera que foi adicionada no museu da Coréia do Sul, fazendo com que a contora vire a rainha do museu “Madame Tussauds”. Confira fotos da nova estátua de cera da Mother logo abaixo:

As roupas dos super-heróis dos quadrinhos podem dizer muito sobre eles! Veja só

Veja características legais dos uniformes dos heróis do cinema e dos quadrinhos

 

A roupa do mal do Homem-Aranha
Peter Parker é habilidoso: ele mesmo desenhou e costurou seu uniforme de aracnídeo, que conta com um dispositivo nos pulsos para lançar as famosas teias pegajosas. O traje é de um tecido macio e elástico, é fácil de esconder embaixo da roupa normal e permite a liberdade de movimentos de que o Homem Aranha precisa para passear entre os prédios de Nova York.

Apesar de contar com esse modelo perfeito, Peter chegou a jogar sua roupa fora – quando pensou em desistir de ser herói – e também trocou esse modelo por outro, todo preto. A tal roupa surgiu na casa do jovem herói misteriosamente e, como se tivesse vida própria, moldou-se às formas de Peter.

Demorou para ele perceber, mas ela era um ser de outro planeta e pretendia dominá-lo e destruir a turma do bem!
crédito: Divulgação

Homem de Ferro: uniforme esconde a identidade do herói
O herói que se preza tem duas caras, uma para o dia-a-dia e outra para trabalhar. Para manter a identidade secreta, muitos deles usam máscaras. Assim, quem pode saber que Tony Stark e Peter Parker estão por trás dos uniformes do Homem de Ferro e do Homem-Aranha?

Já Batman e o Demolidor correm mais riscos de serem reconhecidos, pois seus disfarces cobrem apenas metade do rosto. Ainda bem que esses justiceiros agem somente à noite, quando ficam protegidos pela escuridão. Mas o disfarce mais impressionante é o do Super-Homem. Na pele do repórter Clark Kent, ele usa óculos. Ao assumir o papel de herói, basta livrar-se do acessório para que ninguém o reconheça. Difícil de engolir, hein?
crédito: Divulgação

Mulher-Maravilha e Capitão América: estrelas e cores dos EUA
Olhe bem para os trajes da Mulher-Maravilha e do Capitão América. Notou alguma semelhança? As estrelas e as cores não foram escolhidas por acaso: copiam a bandeira dos Estados Unidos, país de origem dos dois personagens.

Eles foram criados em 1941, durante a Segunda Guerra Mundial, e suas roupas reforçava o espírito patriótico. O uniforme da Mulher-Maravilha é completado por um laço mágico que obriga as pessoas a dizer a verdade. Coincidência ou não, o criador da heroína foi o psiquiatra William Moulton Marston, que também inventou o detector de mentiras.
crédito: Divulgaçao

Capa do Super-Homem: serve para quê?
O primeiro herói a ter uma capa foi o Super-Homem. Seus criadores tiveram a ideia em 1938 e acharam que, nos quadrinhos, ela ajudaria a transmitir a idéia da supervelocidade do personagem. Na época, ele nem era capaz de voar – apenas dava grandes saltos. Depois ele virou astro de TV e cinema, ganhou outros superpoderes, mas manteve o estilo e as cores das roupas.

O acessório fez sucesso e muitos outros justiceiros acabaram ganhando capas, que, ao contrário do que muita gente pensa, não servem para voar. Segundo alguns pesquisadores, a inspiração dos desenhistas teria vindo do figurino de outros personagens: os Três Mosqueteiros, espadachins nobres do livro escrito por Alexandre Dumas, que viajavam usando longas capas para se proteger do frio e da chuva.

Para Edna Moda, personagem do desenho Os Incríveis, não importa a explicação: ela acha que as capas não estão com nada. Segundo a especialistas em super-roupas, elas só atrapalham, pois se engancham nas coisas e podem até impedir que um herói salve o mundo.
crédito: Divulgação

O uniforme cheio de efeitos especiais de Batman
Batman não tem força máxima ou supervelocidade, mas decidiu ser herói mesmo assim. Para isso, conta com determinação, inteligência e uma roupa mais que especial. Seu traje é uma espécie de armadura blindada de alta tecnologia, muito leve, porém resistente que o protege do ataque de inimigos. Como ele não voa, a capa em forma de asa de morcego é capaz de tornar-se rígida e o ajuda a planar quando é preciso.

Além disso, ela faz o Cavaleiro das Trevas parecer maior e mais assustador, o que é ótimo quando ele precisa impressionar os inimigos. Na hora de entrar em ação, Batman nunca dispensa um acessório que pode parecer sem importância: seu cinto. É que o modelo usado por ele é todo cheio de truques. Parecido com um cinturão de escalada, é equipado com periscópio, estrelas de arremesso, kit médico e telefone celular e ajuda o homem morcego a se livrar das maiores encrencas e dos mais terríveis vilões.
crédito: Divulgação

A calça do Hulk: um mistério no quesito elasticidade!
Muito antes da invenção dos tecidos com lycra, um fio que estica feito elástico, as transformações do doutro Bruce Banner já causavam espanto nos leitores de gibis. Acontece que o cientista, enquanto é gente, mede 1,75 metro e pesa 58 quilos…

Mas quando vira aquela criatura gigante e verde passa a ter 2,13 metros e 472 quilos. As roupas de Bruce, é lógico, ficam reduzidas a farrapos sobre a montanha de músculos do Hulk. Mas as calças nunca se rasgam! Se a gente levar em conta que o traseiro do monstro é no mínimo três vezes maior o do pesquisador, fica aí uma grande dúvida: de que são feitas as calças do personagem? E como ele se veste depois que volta ao normal, se as roupas ficam rasgadas? Puro mistério.
crédito: Divulgação

Um bermudão para o Surfista Prateado, por favor
Ele vaga pelo universo voando sobre uma prancha que comanda por pensamento e escolhendo planetas para servir de alimento a seu mestre, o esfomeado Galactus. Norrin Radd, ou simplesmente o Surfista Prateado, é um sujeito sério e não se parece muito com os garotos que pegam ondas nas praias ensolaradas da Terra.

Seu corpo é todo recoberto por uma substância flexível de cor metálica, mas ele não parece usar roupa nenhuma. Seus criadores, o roteirista Stan Lee e o desenhista Jack Kirby, garantem que o rapaz usa uma discreta sunga que combina com o estranho bronzeado. Nesse caso, a especialista Edna Moda certamente recomendaria um bermudão.
crédito: Divulgação

Você sabia que:

  • No mundo real estão surgindo roupas inteligentes, que interagem com os donos? Podem ser feitas com tecidos especiais que se adaptam a forma e aos movimentos do corpo, mudam de cor ou contam com MP3 player ou GPS.
  • Nadadores e patinadores que competem em provas internacionais usam macacões sem costura, que facilitam o deslizamento na água ou no ar, para ganhar mais velocidade?
  • Muitos cientistas estão estudando as teias de aranha para desenvolver tecidos especiais?
  • O Pateta, amigo do Mickey, vira um herói ao comer os superamendoins que planta no quintal? Sua roupa especial é um pijamão vermelho felpudo e a capa foi cortada de um velho saco de batatas.

Durma Feliz.

Seu quarto é daqueles que se enchem de claridade quando o dia raia? Então temos boas notícias, caso você seja fã da família Simpson.

É que as lojas especializadas em pijamas e artigos para puxar um ronco estão recebendo as máscaras tapa-olho do pessoal de Springfield.

Tem do Homer, da Marge, do Bart e da Lisa. São feitas de cetim e elástico.

Só não vale dormir o dia inteiro como o Homer. Procure nos shoppings.

Fique por dentro de Naruto #3

Apesar de demônios e hospedeiros existirem na série desde o primeiro capítulo do mangá, os conceitos de Bijuu e Jinchuuriki só foram abordados diretamente no início de Naruto: Shippuuden, quando Chiyo de Sunagakure no Sato define os termos (capítulo 256; episódio 12 do Shippuuden). O enredo da série passou a girar em torno dos demônios e seus hospedeiros desde entăo.

Todos os jinchuurikis junto ao número de suas caudasDefiniçăo

Bijuu (尾獣, literalmente “besta com caudas”) é um termo proveniente de uma conhecida lenda japonesa sobre uma guerra que existiu entre esses monstros. Em Naruto e Naruto: Shippuuden, as bijuu são formas de chakra extremamente poderosas que assumem a aparência de demônios com caudas. Existem nove delas, cada uma com um número específico de caudas: Ichibi(Uma Cauda), Nibi (Duas Caudas), Sanbi (Três Caudas), Yonbi (Quatro Caudas), Gobi (Cinco Caudas), Rokubi (Seis Caudas), Shichibi (Sete Caudas), Hachibi (Oito Caudas) e Kyuubi (Nove Caudas).

Por serem criaturas com imensa capacidade de destruiçăo, vários clăs e vilas ninja tinham a ambiçăo de utilizá–las como armas. {spoiler} Foi logo após a fundaçăo das vilas ninjas que Senju Hashirama, o Shodai Hokage – conhecido pela capacidade de domar os demônios – distribuiu as bijuu entre as vilas ninja, como uma forma de estabilizar o balanço de poder entre as potęncias{spoiler}.

Quando livres, esses demônios eventualmente atacam e destroem agrupamentos humanos, e são classificados como “fenômenos naturais”, calamidades imprevisíveis. É raro haver um ser humano capaz de controlar uma bijuu em sua forma completa – {spoiler} os únicos casos conhecidos são Senju Hashirama e Uchiha Madara, sendo que esse último só manipulava a Kyuubi através do Sharingan {spoiler}– e por isso os ninjas precisaram criar outra forma de conter e utilizar as mais poderosas criaturas de seu mundo.

Foi assim que nasceu o conceito de Jinchuuriki (人柱力, literalmente “poder do sacrifício humano”). Como era quase impossível encontrar alguém que manipulasse as bijuu completamente liberadas, os ninjas encontraram meios de aprisionar os demônios em outros seres humanos, na esperança de torná–los armas temidas perante todas as outras nações shinobi. E, de fato, os jinchuuriki tornaram–se seres que inspiram terror – tanto nos inimigos quanto nos aliados.

As bijuu, como massas de chakra absurdamente poderosas, exigem muito sacrifício para serem contidas, geralmente tirando a vida de alguém durante o processo de aprisionamento. Além disso, assim que se encontram seladas em um ser humano, seu chakra começa a interferir na natureza do hospedeiro, seja fundindo–se à energia do jinchuuriki ou alterando sua fisionomia. Enquanto isso confere às vilas ninjas a principal vantagem em se ter um jinchuuriki, isto é, poder utilizar o chakra e as habilidades características da bijuu, a verdade é que ter um demônio poderoso no corpo torna os hospedeiros instáveis.

Essa instabilidade pode alterar a personalidade deles, ou mesmo fazê–los atacar amigos e inimigos indiscriminadamente. Aliando isso à destruição que as bijuu causaram aos humanos ao longo dos tempos, os jinchuuriki acabaram se tornando alvo do ódio e do desprezo dos ninjas, inclusive de seus aliados.

Lista de Bijuu e seus Jinchuuriki

Ichibi - Sabaku no Gaara
Uma Cauda
Bijuu: Ichibi, também conhecido como Shukaku
Jinchuuriki: Sabaku no Gaara (Godaime Kazekage)
Filiação: Sunagakure no Sato
Status: O jinchuuriki foi capturado pela Akatsuki e teve sua bijuu extraída, mas sobreviveu
Habilidades da Possessão: Além de manipular areia à vontade, Gaara pode iniciar o processo de transformação na bijuu se concentrando e fazendo um breve ritual. De início, seu corpo toma apenas a forma parcial do demônio, mas Gaara pode liberar a bijuu em sua forma completa se entrar em estado de sono profundo. O jinchuuriki também adquiriu controle o bastante sobre o demônio para ser capaz de invocar apenas os braços do Shukaku, como mostrado na luta contra Deidara.

Diz–se que Suna no Shukaku era, originalmente, o espírito corrompido de um monge do deserto que foi aprisionado dentro de uma “chaleira”. Não foi explicado como esse espírito transformou–se em uma bijuu, mas é certo que Sunagakure sempre usou o demônio para criar jinchuuriki e fortalecer seu poderio militar. O último hospedeiro do Ichibi foi Sabaku no Gaara, filho do Yondaime Kazekage. Foi Chiyo quem realizou o fuuinjutsu para inserir o demônio no garoto, quando ele ainda estava na barriga da mãe. O nascimento de Gaara custou a vida da progenitora.

Como jinchuuriki, Gaara obteve algumas vantagens: além de possuir uma reserva de chakra notável, possuía um escudo automático de areia, manipulado pelo Ichibi. Todas as vezes em que era atacado, a areia o protegia imediatamente, independente de Gaara querer ou não. No entanto, esse poder tinha um preço alto: Gaara não podia dormir, ou seria completamente sobrepujado pela consciência do demônio e deixaria Shukaku agir por conta própria, tendo sua personalidade consumida por ele.

O Shukaku de Naruto é baseado no tanuki, um animal japonês comumente associado à travessuras e ao transformismo. A menção à “chaleira” e ao sacerdote corrupto também deriva dos contos sobre tanuki. Fora isso, as “olheiras” muito largas e escuras contornando os olhos de Gaara são uma clara referência à aparência do tanuki (o próprio Shukaku, em sua forma completa, é semelhante ao bicho); e o vaso de areia que o jinchuuriki carrega nas costas está presente em algumas das lendas sobre o guaxinim nipônico.

Nibi - Ikiryou
Duas Caudas
Bijuu: Nibi, também conhecido como Ikiryou, “Fantasma Vivo”
Jinchuuriki: Nii Yugito (Jounin)
Filiação: Kumogakure no Sato
Status: Capturado pela Akatsuki
Habilidades da Possessão: Na forma liberada, Yugito era capaz de causar grande destruição e lançar esferas de fogo espectral nos inimigos.

Influenciado pela lenda do Nekomata – um gato tão velho que sua cauda se dividiu em duas, que manipulava os mortos como marionetes e era associado a acidentes com fogo – o Nibi de Naruto, em sua forma de bijuu, parece um felino fantasma e é capaz de cuspir enormes bolas de fogo. Yugito, a jinchuuriki, possui um rosto levemente felino.

Sanbi
Três Caudas
Bijuu: Sanbi
Jinchuuriki: Yagura (Yondaime Mizukage)
Filiação: Kirigakure no Sato
Status: Capturado pela Akatsuki

A lenda que serviu como base para a criação do Sanbi foi, provavelmente, a do Suppon no Yurei, o espírito de uma tartaruga comida que assombrava os três homens que se alimentaram dela; ou o Umibozu, um monstro marinho que assume a forma de uma tartaruga. O Sanbi de Naruto lembra uma tartaruga com tentáculos em sua forma de bijuu. Quando foi capturado, estava livre de seu jinchuuriki. Deidara da Akatsuki afirma que uma bijuu com um jinchuurikide mente fraca, ou sem hospedeiro, não passa de um monstro descontrolado. Yagura, o último jinchuuriki do Sanbi antes da captura, era o Quarto líder da Vila Oculta da Névoa. Ao que parece, esse Mizukage estava sendo manipulado por uma ilusão atribuída a um Uchiha – mais precisamente, Uchiha Madara.

Yonbi - Roushi
Quatro Caudas
Bijuu: Yonbi
Jinchuuriki: Roushi
Filiação: Iwagakure no Sato
Status: Capturado pela Akatsuki
Habilidades da Possessão: Dominar as cinco naturezas de chakra; fundir Doton e Katon para formar Youton, que é “lava”.

O pouco que se sabe dessa bijuu é que ela era capaz de manipular todos as cinco Naturezas Primários de Chakra – Katon, Suiton, Doton, Raiton e Fuuton – e que passou essa característica para seu jinchuuriki. Ao dominar essa habilidade, Roushi conseguiu fundir Doton e Katon para formar um novo elemento, Youton (Lava). A bijuu era capaz de lançar lava pela boca.

É pertinente mencionar que, nas lendas japonesas referentes à Guerra entre os Demônios com Cauda, o Yonbi (também conhecido como “Kaku”) era sempre relacionado a veneno. O bijuu conhecido pela manipulação dos cinco elementos era o Gobi. Como a maioria dos fãs assumiu que Masashi Kishimoto estava embasando os demônios de Naruto nessa lenda, houve uma grande confusão quando o mangá atribuiu os cinco elementos ao Yonbi ao invés do Gobi. O autor informou em um fanbook que o design do bicho foi inspirado em um gorila, no Son Goku de Dragon Ball, e no Goku das lendas chinesas.

Gobi
Cinco Caudas
Bijuu: Gobi
Jinchuuriki: Han
Filiação: Iwagakure no Sato
Status: Capturado pela Akatsuki

Não se sabe quase nada sobre eles, além da aparência do demônio, que é um cruzamento de um cavalo com um golfinho, e o fato de Han, seu jinchuuriki, lutar utilizando vapor.

Rokubi
Seis Caudas
Bijuu: Rokubi
Jinchuuriki: Utakata
Filiação: Kirigakure no Sato
Status: Capturado pela Akatsuki

Não se sabe quase nada sobre eles, além da aparência do jinchuuriki – que parece estar vestido para um velório – e sua técnica baseada na utilização de bolhas de sabão.

Shichubi
Sete Caudas
Bijuu: Shichibi
Jinchuuriki: Fuu
Filiação: Takigakure no Sato
Status: Capturado pela Akatsuki

Masashi Kishimoto baseou o design dessa bijuu em um inseto, usando suas asas como as caudas do demônio. Sua jinchuuriki, Fuu, é a única outra mulher, além de Yugito, entre os nove hospedeiros.

Hachibi - Killer Bee
Oito Caudas
Bijuu: Hachibi
Jinchuuriki: Killer B
Filiação: Kumogakure no Sato
Status: O jinchuuriki foi capturado pela Akatsuki, mas fugiu antes de ter a bijuu extraída
Habilidades da Possessão: Assim como Naruto, Killer Bee fica envolto no chakra borbulhante em forma de caudas quando usa diretamente a energia do Hachibi. A diferença entre eles é que Bee tem pleno controle sobre esse chakra – tanto que é capaz de se transformar na forma completa de sua bijuu e ainda manter a consciência. O jinchuuriki também provou que, quando o hospedeiro e o demônio entram em consenso, podem se ajudar durante as lutas: o Hachibi cancelou o genjutsu que Sasuke lançou contra Bee, e os dois até separaram uma parte do corpo do demônio como isca, para poderem escapar do Time Taka.

Enquanto todos os fãs da série esperavam Kishimoto usar a lenda do Yamata no Orochi – parte importante na história da Guerra entre as Bijuu – o autor de Naruto usa um conto completamente diferente para basear o Hachibi. Ao invés de Orochi (que, como o nome já demonstra, está mais relacionado ao Orochimaru do que a qualquer outro personagem da série), Kishimoto usou como referência o Ushi–Oni que, assim como muitos outros monstros japoneses, é um demônio marinho, e tem a cabeça de um touro no corpo de uma criatura cheia de tentáculos. O Hachibi de Naruto tem a cabeça de um touro com um chifre inteiro e outro quebrado, um par de patas e oito tentáculos como caudas.
Foi revelado que Hachibi e Killer B têm uma relação amigável. De fato, eles parecem até mesmo gostarem um do outro e já foi, inclusive, definido como o jinchuuriki perfeito.

Kyuubi - Uzumaki Naruto
Nove Caudas
Bijuu: Kyuubi, ou Kyuubi no Youko
Jinchuuriki: Uzumaki Naruto (Genin)
Filiação: Konohagakure no Sato
Status: O jinchuuriki nunca foi capturado pela Akatsuki e ainda mantém a bijuu
Habilidades da Possessão: A dimensão dos poderes que a Kyuubi confere a seu hospedeiro ainda está longe de ser medida. Naruto possui cem vezes mais chakra do que qualquer ser humano comum, se aproveitar sua condição de jinchuuriki sem ser influenciado diretamente pelo demônio. Infelizmente, até o presente momento, o garoto só é capaz de usar essa imensa reserva de chakra com a ajuda de Yamato e do colar do Shodai Hokage (que foi destruído durante sua luta contra Pain). Se Naruto começa a usar o chakra da Kyuubi sem nenhum intermediário, a raposa passa a influenciá–lo constantemente com o Manto da Raposa, uma camada de chakra borbulhante que envolve o corpo do hospedeiro como uma segunda “pele”.

Esse miasma vermelho é uma faca de dois gumes. À primeira vista, parece ser muito últil, servindo como uma armadura de chakra para o jinchuuriki e protegendo–o dos impactos e golpes diretos, bem como funcionando como um mecanismo de ataque independente – garras e caudas se estendendo para atingir os adversários e ajudando na imprevisibilidade dos ataques. No entanto, o chakra da Kyuubi que forma esse Manto é muito mais agressivo que o chakra comum de um ser humano, destruindo e regenerando a pele do jinchuuriki o tempo inteiro. Como as células humanas têm um tempo de vida definido, esse processo constante de regeneração diminui a expectativa de vida do hospedeiro.

Essas características do Manto da Raposa tendem a ser mais e mais agravadas à medida que Naruto é influenciado pela bijuu, mais precisamente a cada “cauda” que brota no chakra do demônio. A resistência da defesa e a potência do ataque são elevados significativamente de acordo com o número de caudas; em compensação, a destruição e recriação de células também acelera e causa muito mal ao organismo do hospedeiro. Ferimentos causados pelo manto são muito difíceis de curar, porque o chakra demoníaco persiste no machucado.

E existe ainda mais um agravante: quanto mais caudas Naruto libera, mais selvagem e descontrolado se torna, perdendo noção de si mesmo aos poucos. Quando alcança as quatro caudas, além de se tornar uma miniatura da Kyuubi, o garoto perde completamente a consciência e ataca inimigos e aliados indiscriminadamente. Nessa forma, Naruto é capaz de cuspir um ataque devastador de chakra bruto. Em seis caudas, um exoesqueleto se forma ao redor do hospedeiro, e ele fica ainda mais poderoso. Naruto já chegou a liberar até a oitava cauda da bijuu, mas sem qualquer controle sobre si mesmo e adquirindo a aparência quase que completa da raposa.
Fora isso, a possessão da Kyuubi confere uma aparência animalesca ao jinchuuriki que, quando influenciado por ela, fica com os olhos vermelhos, as pupilas dilatadas, garras e caninos protuberantes e marcas nas bochechas muito mais profundas do que o normal, além de passar a andar como um quadrúpede.

A Raposa Demônio de Nove Caudas é o bijuu mais poderoso da lenda que conta a Guerra dos Demônios Com Caudas, e foi o demônio que inspirou a criação da Kyuubi no Youko de Naruto, tanto em aparência quanto em poder. Na série, o personagem principal, Uzumaki Naruto, teve a bijuu selada em seu estômago pelo fuuinjutsu Hakke no Shiki Fuuin, usado pelo Yondaime Hokage – que teve o trabalho extra de dividir o chakra da Kyuubi em dois, para que a energia negativa (yang) do demônio pudesse se fundir naturalmente ao próprio sistema de chakra de Naruto enquanto a positiva (yin) foi selada com o fuuinjutsu. Infelizmente, Naruto ainda não consegue dominar a Kyuubi da forma como Killer Bee consegue controlar o Hachibi, e o selo que mantém a raposa presa está enfraquecendo gradualmente.

A influência da raposa sobre o protagonista da série é notada em diversos aspectos, como os três pares de riscos nas bochechas (semelhantes a bigodes de raposa), a mania que Naruto tem de pregar peças nas pessoas, e a infame “cara de raposa” que o garoto mostra vez ou outra. Quanto mais o jinchuuriki usa a o poder da bijuu, mais parecido com ela o rapaz fica.

Armas Ninja

 

Na cultura japonesa, existem várias armas comumente associadas aos ninjas – assim como truques feitos com o auxílio de pólvora. Como é uma série que gira em torno de shinobis, Naruto também exibe uma variada gama de equipamentos ninjas. A maioria é composta por armas brancas.

ARSENAL BÁSICO

As armas “descartáveis” que os ninjas usam geralmente ficam guardadas nos bolsos dos coletes ou na sacola amarrada à perna. Alguns as prendem por dentro da roupa.

SHURIKEN

“Shuriken” (“lâmina atrás da mão” ou “lâmina oculta na mão”) é uma arma de arremesso. Costuma ser mais utilizada como auxílio do que com o propósito de matar o inimigos, já que é facilmente defendida ou desviada por um ninja habilidoso. As shurikens classificam-se em Bo Shuriken (na forma de bastão cilíndrico, angular ou plano, com diversos modelos) ou Hira Shuriken (a popular “estrela ninja”, lâmina plana com três a quatorze pontas; também possui vários modelos diferentes). Em Naruto, as shurikens mais utilizadas são Hira Shuriken – todos os ninjas da série conseguem usar esses projéteis, seja para distrair o inimigo ou para tentar acertá-lo.

Fora essas “estrelas ninjas” usadas de forma tão displicente, também nos são apresentadas outros tipos de shuriken, ao longo da série.

Fuuma Shuriken: também conhecida como “Shuriken do moinho das sombras”, “Boomerang japonês” ou “Moinho da morte”, a Fuuma Shuriken é uma shuriken enorme com um buraco circular no centro para ser segurada. Possui quatro lâminas retráteis (por isso é chamada de “moinho”). Aparentemente, Uchiha Sasuke é um mestre no manejo dessa arma, mas é Uzumaki Naruto quem mais a utiliza ao longo da série (principalmente nos jogos lançados pela franquia).

Shuriken Gigante: vista pela primeira vez no episódio-piloto da série, é usada por Mizuki contra Iruka e Naruto. É apenas uma shuriken de quatro pontas com o diâmetro de um bambolê. Segurando no orifício central, o ninja rotaciona o shuriken gigante, criando o mesmo efeito do Fuuma Shuriken.

KUNAI

Kunais são normalmente feitas de ferro (e não aço), usadas inicialmente como instrumento de jardinagem. Muitos ninjas desenvolveram armas a partir de objetos de agricultores e podiam aproveitar o fato de a kunai ter um preço baixo, ser fácil de fazer e poder ser facilmente convertida em uma arma. Na ficção, a kunai é normalmente utilizada como um projétil (semelhante ao uso das shurikens), podendo também funcionar como um tipo de faca.
As menores e mais leves geralmente têm um aro na ponta, semelhante a um anel, para ser presa aos dedos durante uma luta. Outras têm o cabo mais comprido e a lâmina mais larga, na maioria das vezes usadas em combate corpo a corpo. Como a shuriken, a kunai tem um papel mais de auxílio do que ofensivo, usada para distrair ou atrapalhar o inimigo. Muitas vezes age junto a tarjas explosivas e linhas de nylon – podendo ser o instrumento mais versátil dos ninjas de Naruto.

Apesar de não variar muito sua forma, existem diferentes modelos de kunai:

Kunai de Três Pontas: apesar de não ser o modelo padrão, essa kunai não é assim tão diferente das outras. Sua lâmina se divide em três pontas, como um tridente, sendo a lâmina central maior que as laterais. Além de não perder sua função ofensiva, esta kunai é muito útil para defesa já que suas pontas menores funcionam como a guarda-mão das espadas. Namikaze Minato (Yondaime Hokage) usava esse tipo de kunai.

Kunai Gigante: assim como a shuriken gigante, esse tipo de kunai é apenas uma versão enorme da kunai normal com um orifício no centro aparentemente que serve de suporte devido ao seu tamanho. Izumo e Kotetsu usam essa arma contra Hidan, esta kunai apresenta uma pequena desvantagem por necessitar que o usuário ocupe as duas mãos para manuseá-la com agilidade, e diferente da kunai convencional, esta não é eficaz para ser arremessada.

Kunai Invertida: também conhecida como kunai curvada, é mais larga que a comum e curvada na ponta. Não serve para ser disparada em direção ao alvo, em contrapartida possui um corte mais preciso, sendo uma ótima escolha em combates mais próximos. Utilizada por Yakushi Kabuto que por se tratar de um ninja médico, pode adaptá-la como ferramenta cirúrgica.

SENBON

São agulhas compridas e metálicas, usadas como projéteis. Vários personagens da série já foram vistos usando esse tipo de arma: Shizune cuspiu algumas na luta contra Orochimaru e Kabuto; Sasori jogou milhares e milhares de senbons envenenadas em Chiyo e Sakura; Genma, o jounin que fiscalizou a fase final do Chuunin Shiken, carrega sempre uma senbon na boca. No entanto, o personagem que levou sua habilidade com senbons ao máximo foi Haku, graças ao grande conhecimento que o garoto tinha da anatomia humana e sua capacidade de criar agulhas de gelo. Haku conseguiu fingir que havia matado Sasuke e Zabuza, enquanto na verdade havia desviado propositalmente dos pontos vitais.

EXPLOSIVOS

Dentre as armas explosivas mostradas no anime, a mais comum são os Selos explosivos:

Selos explosivos: são folhas de papel que explodem pelo contato ou por ativação remota através do “Selo Explosivo: Ativar” (“Jibaku Fuda: Kassei”). Utilizados das mais variadas formas, selos fazem parte de armadilhas ou técnicas de distração. Podem ser lançados no ambiente de batalha em kunais, e até mesmo no inimigo. As tarjas explosivas são mais utilizadas por ninjas que se apóiam em estratégia, como Nara Shikamaru e Haruno Sakura.

Além dos selos, outras armas explosivas menos comuns são os:

Chaveiros Explosivos: se parecem com um pequeno saquinho amarrado por um curto fio em uma isca que se prende ao alvo explodindo alguns segundos depois.

Granada explosiva de fumaça: como o nome já diz, resulta em uma explosão que libera uma grande quantidade de fumaça.

MAKIBISHI

São pequenos objetos com três pontas afiadas que são largadas no chão, permanecendo sempre uma das pontas para cima. Usado pelo ninja como tentativa de retardar os oponentes que o segue. Esta arma foi inventada pois no Japão, os calçados comuns, conhecidos como zori, eram feitos de palha, oferecendo pouquíssima proteção contra este tipo de armadilhas.

ARMAS CRACTERÍSTICAS

Embora ninjas aprendam a utilizar praticamente todo tipo de arma, existem algumas que requerem treino específico e se tornam a ofensiva principal do shinobi.

NINJAKEN

Arma característica dos membros da ANBU, as ninjaken (ou shinobigatana) são espadas menores que uma katana (típica espada japonesa) e maiores que uma wakizachi.

ZAMBATOU

É a enorme espada usada por Momochi Zabuza e, posteriormente, Suigetsu. A “zambatou” (“espada que corta cavalos”) é mais comprida e larga do que uma espada normal, e por isso requer do usuário bastante força e habilidade. A maioria dos Sete Espadachins da Névoa usavam espadas igualmente grandes, como é também o caso de Kisame.

 

 

 

SAMEHADA

O nome significa, literalmente, “couro/pele de tubarão”, numa referência clara às escamas largas e afiadas que a espada tem por baixo das faixas que a envolvem. Tão grande quanto a zambatou de Momichi Zabusa e ainda mais perigosa, a samehada é a arma de Hoshigaki Kisame e, aparentemente, só pode ser empunhada por ele. Tem a exótica habilidade de sugar chakra quando entra em contato com alguém, mesmo que só de raspão. Seu objetivo principal não é cortar, e sim somente raspar.

 

 

CHAKRA BLADES

As lâminas gêmeas utilizadas por Sarutobi Asuma, semelhantes a um soco-inglês com lâminas em uma das pontas, conhecida no Japão como Aian Nakkuru, são feitas para combate a curta distância. No entanto, o metal da arma consegue conduzir o chakra natural do dono, prolongando o alcance do golpe, enganando os inimigos.
Asuma as empunha uma em cada mão.

 

 

TONFA DE MADEIRA

Rock Lee usa essa arma durante a luta do time Gai contra Hoshigaki Kisame. Não vimos o que pode ser feito com ela, já que a samehada despedaçou os bastões rapidamente.

LEQUE GIGANTE

Arma característica de Temari, o leque gigante de ferro pode ser utilizado aberto ou fechado, dependendo da proximidade do combate. Existem três bolas roxas desenhadas no leque, uma para cada folha de ferro, indicando o nível de força que Temari impõe nos ataques. A kunoichi consegue utilizar os mais variados jutsus de Fuuton através do leque. Além dos ataques que podem ser desferidos com o leque, Tenmari consegue pairar no ar posicionando-se acima do objeto.

 

 

 

JOUHYO

Arma que Matsuri escolhe aprender a usar quando Gaara começa a treiná-la. É um dardo preso a um fio, que pode ser usado para prender inimigos ou defender ataques. Foi mostrado durante o último arco filler do anime.

MARIONETES

Constituem as armas principais do Kugutsu, estilo de luta usado por Sasori, Chiyo e Kankurou, todos de Sunagakure no Sato – aparentemente, são técnicas tradicionais dessa vila. Os bonecos são feitos de algum material resistente e são repletos de armas, veneno e lâminas embutidas. Sasori menciona que a habilidade de um mestre de marionetes está na quantidade de bonecos que se consegue controlar ao mesmo tempo.
Mestres nesta arte conseguem ainda manipular outros ninjas ou pessoas como marionetes através das linhas de chakra.

 

 

 

BASTÃO

Sarutobi usa seu animal de invocação, Enma, como um bastão que muda seu comprimento e largura de acordo com a luta.

ARSENAL DE ARMAS

Tenten é uma autoridade quando o assunto é arsenal bélico e já deu a entender que sabe manejar qualquer arma proveniente de seus pergaminhos. Como muitas delas não são comuns entre os outros personagens, vale a pena mencionar que, além de muitas kunais e shurikens, a kunoichi também invoca:

Mangual: bola de ferro com pontas protuberantes em sua superfície, usada por uma corrente de ferro.
Nunchaku: dois bastões ligados por correntes.
Tri-Nunchaku: três bastões ligados por correntes.
Correntes: usadas para prender ou atordoar o inimigo.

Além desses, há ainda vários tipos de lâminas indefinidas, bastões e bombas.

 

 

 

 

Kuchiyose no Jutsu (“Técnica de Invocação”) é um jutsu de rank-C que, com um pouco do sangue do invocador usado como sacrifício, permite ao ninja invocar desde animais até armas e mortos para o auxiliarem em uma batalha. É utilizado geralmente por ninjas acima do nível gennin pois requer concentração e uma certa quantidade de chakra. Cada tipo de invocação tem suas particularidades e requer selos e modos diferentes para poderem acontecer. A quantidade de chakra usada irá determinar o tamanho e a força do que foi invocado, sendo alguns muito poderosos, como por exemplo o líder das cobras, Manda, que é invocado por Orochimaru e recusa-se a obedecê-lo. Vejamos os tipos que apareceram no anime Naruto:

ANIMAIS

A invocação de animais é a mais comum. Para invocar um animal, o ninja precisa ter selado um acordo de sangue com a respectiva espécie. Geralmente, os passos para a invocação de um animal são: : o ninja faz um corte em seu dedo, realiza o selamento apropriado para invocar o animal com que fez o pacto e, então, encosta a mão no local onde deseja que a criatura apareça. Agora alguns animais de invocação que já apareceram no anime:

SAPOS

“Gama” (蝦蟇) é um termo japonês que significa, literalmente, “sapo”. É uma das invocações mais poderosas e versáteis da série, servindo como ataque, defesa e até transporte. Aparece pela primeira vez quando o sannin Jiraya encontra Naruto e Ebisu nas fontes termais.

O sapo-rei, ou líder dos sapos, Gamabunta (ガマブン太, eventualmente chamado de Gama-Oyabin), é uma criatura gigantesca que usa uma katana como arma e tinha sido invocado apenas pelo Quarto Hokage (Yondaime) e por Jiraya, até que, no treinamento com o sannin, Naruto consegue invocá-lo. Gama-Oyabin tem um gênio difícil e se mostra apático quanto aos assuntos de seus “subordinados”. Aparentemente, existe uma grande rivalidade entre ele e o líder das cobras, Manda.
Os principais ataques usados por Gamabunta no anime foram Gama Dosuzan (蝦蟇ドス斬, “O Corte de Espada do Sapo”) e Suiton, Tenppoudama (水遁・鉄砲玉), além de ter cuspido um riacho de óleo para aumentar o poder de um jutsu Katon lançado por Jiraya (火遁・蝦蟇油炎弾, “Katon: Gamayu Endan”).

Existem, ainda, mais dois sapos invocados constantemente por Naruto: os filhos do Gama-Oyabin. Na verdade, Naruto faz a invocação na esperança de trazer a ajuda do sapo-rei, mas algo dá errado, e aparecem ou Gamakichi, ou Gamatatsu, trazendo um pouco de humor ao fracasso da invocação de Naruto:

GAMAKICHI
Gamakichi (ガマ吉, “Sapo Propício”) é o filho mais velho do Gama-Oyabin. É um sapo esperto: sabe a hora exata de fugir e é muito sarcástico. Apareceu pela primeira vez na luta de Naruto e Gaara, quando Naruto tenta invocar o Gama-Oyabin para enfrentar o Shukaku. Outra aparição foi quando Jiraya, ainda dopado pelo remédio de Tsunade, não conseguiu controlar seu chakra para a invocação. Gamakichi também apareceu em alguns fillers do anime.

GAMATATSU
Gamatatsu (ガマ竜, “Sapo Dragão”) é o irmão mais novo de Gamakichi. Seu gênio é totalmente diferente do de seu irmão mais velho: Gamatatsu chega a ser idiota. Ele aparece pela primeira vez na luta de Naruto contra Gaara, na final do Chunnin Shiken, também de forma acidental. Ao contrário do irmão, Gamatatsu fugiu na hora do perigo e ficou cobrando comida por ter sido invocado.

Ao longo do anime, mais sapos aparecem. São girinos e sapos medianos, mostrando o desenvolvimento do Naruto na técnica. Aparece também um sapo gigante com duas espadas cruzadas nas costas, invocado por Jiraya na invasão das vilas do Som e da Areia.
Outra invocação é a chamada Kuchiyose: gamaguchi shibari (口寄せ・蝦蟇口縛り, “invocação: armadilha da boca do sapo”). Jiraya invoca um estômago de sapo em qualquer lugar que queira, ferindo apenas o inimigo. Foi usado quando Itachi e Kisame apareceram para pegar Naruto.

Invocadores:
-Uzumaki Naruto
-Jiraya
-Yondaime

SERPENTES

As Kyodaija (巨大蛇, “Cobras Gigantes”) são as serpentes imensas invocadas com freqüência por Orochimaru em suas lutas. O líder delas é uma gigante cobra roxa com um par de chifres, chamada Manda (マンダ).
Manda é temperamental e cheia de caprichos. Sua primeira aparição foi quando os sannins Jiraya e Tsunade se uniram contra Orochimaru. Ela exige sacrifícios humanos em troca de ajuda nas batalhas, devorando seu invocador se não for atendida. Por reconhecer o poder de seu mestre, Manda obedece e respeita Orochimaru, uma vez que, se tiver conhecimento do jutsu de selamento realizado pelo Sandaime em seu discípulo, deixaria de obedecê-lo ou até devoraria Orochimaru. Ela pode trocar de pele, numa espécie de Kawarimi no Jutsu.
Ao longo do anime também aparecem outras serpentes, invocadas por Mitarashi Anko, Yakushi Kabuto e pelo próprio Orochimaru. Destaca-se a de três cabeças que foi invocada no ataque a Konoha. {spoiler} Uchiha Sasuke, na fase Shippuuden, também começa a controlar a invocação de serpentes. {spoiler}
Obs: Espada Kusanagi é uma arma mitológica que Orochimaru tira da boca, tão poderosa que pode cortar até diamante. Também existe uma versão mais longa da espada, que pode atingir metros.
Invocadores:
-Orochimaru
-Yakushi Kabuto
– Mitarashi Anko

LESMAS

Até agora, no anime, apenas uma lesma foi invocada: a rainha das lesmas, chamada Katsuyu (カツユ), invocada por Tsunade na batalha contra Orochimaru. Diferente de Gama-Oyabin e Manda, Katsuyu tem um gênio mais dócil e é obediente à sua invocadora. Abaixo, mostramos dois golpes usados por Katsuyu para enfrentar Manda.
É capaz de cuspir grande quantidade de ácido pela boca com Zesshi Nensan (舌歯粘酸), produzindo um fluido forte o bastante para derreter rochas.
Com o Katsuyu Daibunretsu (蛞蝓大分列 , “grande Divisão de Lesmas”), Katsuyu pode se dividir em várias lesmas pequenas e escapar de algum golpe, ou realizar outros tipos de tarefa.

Invocadora:
-Tsunade

TARTARUGAS

Ninkame (忍亀, literalmente “tartaruga ninja”) é uma tartaruga vermelha imensa invocada por Maito Gai. Em sua única aparição na série, Ninkame estava vigiando Rock Lee a pedido de seu mestre. É uma das únicas demonstrações do uso de ninjutsu por parte de Gai, que é um notório mestre do taijutsu.

Invocador:
-Maito Gai

MACACOS

Extremamente leal ao Terceiro Hokage (Sandaime), Enma (猿猴王・猿魔 Enkōō: Enma – “rei dos macacos: Enma”) é um símio de grande força física e bastante habilidoso nas artes marciais, conseguindo, inclusive, manter uma luta equilibrada contra o Primeiro e Segundo Hokages (Shodaime e Nindaime), ao mesmo tempo.
Uma característica curiosa é a capacidade de transformar-se em um bastão largo e extensível por meio da técnica Henge: kongōnyoi (変化・金剛如意, “transformação: bastão adamantino”). Essa arma é muito resistente. Pode mudar de tamanho e largura, e o macaco consegue usar os membros, mesmo estando transformado (como os braços e as pernas).
Durante a luta contra Orochimaru no Chuunin Shiken, Enma clona a si mesmo na forma de bastão para formar uma “jaula de proteção” para Sarutobi, usando a Prisão Adamantina (金剛牢壁, kongō Rōheki). A primeira (e única, até agora) aparição na série foi durante a batalha entre Sandaime e Orochimaru. Antes de desaparecer no final da luta, Enma levou consigo a Kusanagi, a espada de Orochimaru.

Invocador:
-Sarutobi

CÃES

Os ninken (忍犬, “cachorros ninjas”) são os oito cachorros invocados por Hatake Kakashi. Todos usam a bandana de Konoha e um colete azul. Aparentemente, alguns dos cães têm certa semelhança com personagens da série. São comumente utilizados para rastreamento, embora também sirvam para imobilizar o oponente (como aconteceu com Momochi Zabuza).

Com o Kuchiyose: doton: tsuiga no jutsu (口寄せ・土遁・追牙の術, “invocação: terra: técnica da presa rastreadora”), os ninken conseguem seguir odores por baixo da terra, furtivamente, emergindo para segurar o adversário.

O líder dos niken é o Pakkun (パックン). Ele é um pug, o menor dos ninken de Hatake Kakashi. É o mais inteligente dos oito cães e, aparentemente, é o único que fala. De acordo com o anime, Pakkun conseguia falar o nome de seu mestre aos quatro meses de idade (considere-se que todos os ninken foram criados por Kakashi desde pequenos). Tem um olfato muito apurado e é muito eficiente, além de saber quando é melhor fugir de uma luta. {spoiler} No mangá, os outros cães de Kakashi aparecem, sabem falar e tem respectivos nomes. {spoiler}

Invocador:
– Hatake Kakashi

ARANHAS

Kyodaigumo (seu nome, 忍亀, significa, literalmente, “Aranha Gigante”) invocada por Kidoumaru, um dos membros do Quarteto do Som, é capaz de gerar várias aranhas de tamanho considerável para auxiliar seu mestre, como acontece quando Kidoumaru usa a Chuva de Aranhas (雨蜘蛛, Amagumo). Quando é golpeada, Kyodaigumo explode em vários fios de seda, formando uma teia.

Invocador:
-Kidoumaru

FUINHAS

Kamatari (カマタリ) é uma fuinha branca invocada por Temari por meio de seu leque, pelo jutsu Kuchiyose: kirikiri mai (口寄せ・斬り斬り舞 ). Kamatari usa um tapa-olho no orbe esquerdo e aparece armado com uma foice quase do seu tamanho, com a qual consegue provocar um grande estrago em poucos minutos – como fez com a floresta onde Shikamaru e Tayuya estavam lutando.

 

 

 
Invocador:
-Temari

PÁSSAROS

Na saga filler do anime, Gennou invoca um grande pássaro na tentativa de escapar dos shinobis de Konoha que descobriram seus planos de soterrar Konoha causando uma grande explosão na montanha dos monumentos dos Hokages.

Invocador:
-Gennou

PEIXES

A invocação de peixes é feita por Ruiga na saga filler. Usando sua habilidade de extrair água da terra, prende o adversário numa espécie de bolha d’água e invoca piranhas ou um tubarão para devorar o inimigo dentro da armadilha.

Invocador:
– Ruiga

CAMALEÃO

Nos fillers, aparece um camaleão chamado Shiromari, invocado pelo líder do País da Garganta, como última defesa de seu castelo. Mas o líder morreu antes de cancelar a invocação, e o camaleão, preso ao pergaminho de contrato, continuou a defender o castelo por anos e anos, devorando quem ali entrasse. Com a ajuda de Naruto, Kiba e Hinata, o espírito do líder aparece e cancela essa invocação.

Invocador:
– Kubisaki Kouza

ABELHAS

Uma abelha rainha gigante é invocada por Suzumebachi, do clã Kamizuru, na saga filler. Essa abelha pode ser muito rápida, apesar de seu tamanho, e prender os adversários em um resistente casulo de cera.

Invocador:
– Suzumebachi

HUMANOS / MONSTROS

ZUMBIS

Chamados de doki, os zumbis são invocados e controlados por Tayuya, integrante do Quarteto do Som. Para controlá-los, Tayuya toca uma melodia de seqüência indecifrável e os faz atacarem o inimigo. Eles são cegos e também lançam um fantasma de dentro de suas bocas para sugar o chakra do inimigo.

Invocador:
– Tayuya

MONSTRO MARINHO

Invocado por Amachi, um monstro marinho conhecido como Umibozu (海坊主) aparece nos fillers, apavorando as pessoas do País do Mar. O monstro consiste basicamente de água e chakra. É totalmente destruído por Naruto, que se utiliza do chakra da Kyuubi para evaporá-lo.

Invocador:
– Amachi

MORTOS

A invocação de mortos é um jutsu de rank-S. A técnica, proibida devido ao seu gênero sombrio, é conhecida como Edo Tensei. Consiste em concentrar grande quantidade de chakra nas mãos e colocá-la no chão. Foi usada por Orochimaru para invocar os dois primeiros Hokages na luta contra o Sandaime, que, com a ajuda de Emma, consegue vencê-los. Orochimaru também tinha a intenção, aparentemente, de invocar o Yondaime, mas é impedido por Sarutobi.

Invocador:
– Orochimaru

OBJETOS

ARMAS NINJAS

Usando seus pergaminhos, Tenten pode invocar várias e diversificadas armas ninjas. Assim, ela possibilita um ataque fatal ao oponente por meio das várias armas invocadas ao mesmo tempo.

Invocador:
-Tenten

PÁSSARO MECÂNICO

Um pássaro amarelo que sai de um pergaminho é invocado por Chiyo. É usado por ela como mensageiro, rodando a corda que fica nas costas do pássaro para ele funcionar.

Invocador:
– Chiyo

VASILHA SHIKOKUMUJIN

A vasilha é invocada por Sakon, do Quarteto do Som, para poderem levar Sasuke até Orochimaru. Ela contém o poder do indivíduo, para que ele não abra o selo amaldiçoado nível 2.

Invocador:
-Sakon

RASHOUMON

Rashoumon é um portal que serve como barreira, usada para defesa. Pode ser invocado por Orochimaru e pelos irmãos Sakon e Ukon, mas estes precisam fazer a invocação simultaneamente. Uma diferença entre Orochimaru e os irmãos Sakon e Ukon é que Orochimaru pode invocar três Rashoumon, se quiser.

Invocadores:
-Orochimaru
-Sakon
-Uko

 

 

ANBU


ANBU (暗部) é uma sigla que significa, literalmente, “Lado Negro”. O nome completo dessa organização é, na verdade, Ansatsu Senjutsu Tokushu Butai (暗殺戦術特殊部隊, Esquadrão Especial de Assassinato e Tática), e eles são os ninjas de elite que servem diretamente ao líder da vila – ou seja, a ANBU é subordinada apenas ao Kage, e são responsáveis por cumprir as ordens de assassinato, proteção de seu líder e missões que não admitem falhas.

Os membros desse esquadrão usam um uniforme padrão (um colete branco e alguns protetores metálicos nos braços e pernas), e cada um deles esconde o rosto por trás de uma máscara de porcelana que representa um animal. A maioria tem uma ninjato (espada usada por ninjas) presa nas costas, e costumam usar capas quando não estão lutando. Uma outra característica certa dos membros da ANBU de Konohagajure no Sato é uma tatuagem em forma de espiral no braço esquerdo.

Máscaras Colete & Protetor Botas Tatuagem Espada

”Os membros deste esquadrão usam um uniforme padrão.”

Sabe-se que os ninjas desta equipe têm conhecimento detalhado da anatomia humana e desenvolveram inúmeras técnicas para aperfeiçoar seu trabalho (que é, geralmente, ‘assassinato’).
Alguns personagens bastante conhecidos como Hatake Kakashi, Yamato e Uchiha Itachi fizeram parte da ANBU.

ANBU NE


Ne (根) significa “raíz” – portanto, ANBU Ne é uma metáfora: se Konohagakure é uma árvore cheia de folhas (ninjas), a Ne é a raiz que sustenta essa árvore. O shinobi Danzou, contemporâneo do Sandaime Hokage, criou um braço da ANBU original que, ao invés de estar sob o controle do Hokage, é subordinada ao próprio Danzou. De acordo com ele, o objetivo seria seguir a risca a premissa de que um shinobi não deve demonstrar emoções, treinando e condicionando crianças nesse intento – e até mesmo chegando a utilizar o método de formação de Kirigakure no Sato, onde os aspirantes a ninja lutavam entre si até a morte.

Danzou era contra a política de diplomacia e paz do Shodai, e consequentemente também se opunha ao Sandaime (que foi aluno do Shodai) e à Tsunade (neta do Shodai e aluna do Sandaime), já que ambos adotam o mesmo método de governo. Por causa disso, a Ne foi diminuindo até que apenas seus membros mais fiéis persistissem nessa equipe. Ainda assim, Jiraya e Tsunade desconfiam bastante das intenções desse esquadrão, graças ao raciocínio militarista de seu líder.

Além de Danzou, o outro membro conhecido da Ne é Sai, que substituiu Sasuke no Time Sete. {spoiler} Sai foi escolhido para espionar o Time Sete e formar aliança com Orochimaru para se aproximar de Sasuke e assassiná-lo; o contrário do que a Hokage havia ordenado. {spoiler}

MÁSCARAS

Cada membro da ANBU, incluindo da Ne, usa uma máscara de porcelana representando um animal baseado nos signos do zodíaco.

DIVISÃO DE TAREFAS

Outra particularidade sobre a ANBU é que, apesar de todos os seus membros serem extremamente eficientes e habilidosos, há uma divisão de funções entre eles. A maioria desses ninjas opera em equipes de quatro ou cinco ninjas e é especializada em assassinato, mas também existem os Oinin (追い忍, Ninjas Caçadores), que perseguem os ninjas fugitivos da vila, e os medinin, ou ninjas médicos (医療忍 iryō-nin), que são especializados em dar suporte às outras equipes – embora saibam se defender muito bem se precisarem combater.

‘Dragon Ball Z Kinect’ coloca jogador na pele de Goku

O sonho de todo o fã de série “Dragon Ball” é poder enfrentar os inimigos na tela rapidamente, usando os poderes dos personagens. Agora, o jogador poderá lutar contra outros heróis da franquia no game “Dragon Ball Z Kinect”, realizando movimentos específicos, que são identificados pelo Kinect.

O game tem previsão de lançamento para o segundo semestre deste ano.

Já no começo da luta, é possível escolher como será o ataque. Na maior parte do tempo, a visão em primeira pessoa faz com que o jogador se sinta um verdadeiro herói. Com um movimento de socos no ar de maneira rápida, ele pode atingir o adversário com pequenas esferas de energia para atordoá-lo e, em seguida, atingí-lo por trás.

Cena de 'Dragon Ball Z Kinect' (Foto: Reprodução)                                                                                                               Cena de ‘Dragon Ball Z Kinect’ (Foto: Reprodução)

A movimentação é livre, com os usuários tendo que realizar determinado ataques ou golpes. Apesar disso, em certas partes das fases, é preciso usar uma série de cartas disponíveis –dentro delas, ele realiza movimentos para poder disparar grandes poderes durante a batalha, como o kamehameha, poder conhecido pelos fãs da série.

Durante a batalha, quando for pedido, o jogador pode fazer o mesmo movimento visto no desenho e no mangá para disparar poderes ainda mais fortes –é preciso ficar alguns segundos na posição para que o golpe seja executado. A movimentação não é tão simples, afinal, é preciso manter a posição por alguns instantes para realizar o golpe especial.

Assim como a maioria dos jogos do Kinect, o sensor funciona, mas sofre com bastante atraso, e as posições para realizar os golpes especiais são engraçadas.

Cena de 'Dragon Ball Z Kinect' (Foto: Reprodução)                                                                                                          Cena de ‘Dragon Ball Z Kinect’ (Foto: Reprodução)